Pés

 

  • Use sempre meias de algodão ou lã, sem costuras nem elásticos e de cor clara. O algodão e a lã permitem a transpiração. As costuras devem ser viradas do avesso para que não marquem os pés. A cor clara manchar-se-á sinalizando uma ferida eventual.
  • Não ande descalço, nem mesmo em casa, pois os pés ficam mais expostos a agressões.
  • Observe os pés todos os dias, num local iluminado, recorrendo a um espelho ou pedindo ajuda a outra pessoa. Verifique se existem cortes, feridas, vermelhões, calosidades, etc.
  • Aplique um creme hidratante diário desde a raiz dos dedos até ao joelho evitando os espaços entre os dedos.
  • Lave os pés diariamente com água morna e sabão neutro testando previamente a temperatura da água com um termómetro ou com o cotovelo.
  • Seque bem, especialmente entre os dedos, com uma toalha macia e de cor clara pois, na presença de uma ferida ficará manchada, alertando-o.
  • Para cuidar das suas unhas, use uma lima de cartão para desgastar em cima, nas pontas e arredondar ligeiramente os cantos, evitando utilizar alicates ou tesouras de bicos.
  • Não use calicídas ou lâminas nas calosidades.
  • Com o frio, não aqueça os pés com botijas, braseiras, aquecedores ou outras fontes de calor diretas. Na exposição ao sol, não se esqueça de proteger a pele do pé com protetor solar.
  • Procurar ajuda da sua equipa de saúde sempre que encontrar alterações nos pés.

Consulta de Pé Diabético

Av. Hospital Padre Américo

Penafiel

T.: 255 714 000

E.: pediabetico@chts.pt